Pular para o conteúdo principal

Postagens

50 anos de Donata Meireles em Salvador.

Postagens recentes

Paola Mansur Flecha de Lima pilota festa no Fasano - Bahia

Paola Mansur Flecha de Lima pilota festa no Fasano - Bahia

 O Fasano Bahia está rendendo frutos para Salvador. Está lotado de paulistas para a festa de Donata Meireles logo mais no Palácio da Aclamação, e no mês de abril já tem reservas confirmadas para mais uma festa daquelas. Vem saber detalhes , notinha exclusiva do site michellemarie.com.br. http://www.michellemarie.com.br/atualidades


Frederico, o brigadeirinho de Priscila Diniz.

Frederico, o brigadeirinho de Priscila Diniz.

 O sucesso de uma pessoa vem da alma e é claro tem que ter talento para tanto. Não é a toa que #PriscilaDiniz, a proprietária da famosa #Confeitaria que leva seu nome, é a queridinha de 9 entre 10 baianos. Confira seu relato no instagram diante dos nascimento de seu filho. http://www.michellemarie.com.br/atualidades


O governador de Pernambuco Paulo Câmara na platéia de Ivete Sangalo e Bell Marques

O governador de Pernambuco Paulo Câmara na platéia de Ivete Sangalo e Bell Marques

 Até governador de Pernambuco Paulo Câmara estará na platéia de Ivete Sangalo e Bell Marques. Vem saber detalhes...http://www.michellemarie.com.br/atualidades


Andrea Tavares em temporada de veraneio na Penha

CAMARIM MUDEIdeNOME

CAMARIM MUDEIdeNOME

 Salvador está na moda fervilhando de eventos. Vem conferir a novidade do #CAMARIM MUDEIdeNOME, um lugar de apoio, diversão e bem estar, localizado no Boteco do Caranguejo. http://www.michellemarie.com.br/atualidades


Paulo Costa Lima terá obra na comemoração dos 250 anos de Beethoven

Paulo Costa Lima terá obra na comemoração dos 250 anos de Beethoven

 O compositor baiano de música contemporânea Paulo Costa Lima terá uma de suas obras, “ Cabinda – nós somos pretos”, integrada ao evento que vai marcar os 250 anos de Beethoven, que acontecerá em dezembro no Carnegie Hall, de Nova York. Isso porque a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo/Osesp, que participará da comemoração, imaginou no seu repertório uma reflexão sobre o espirito iluminista que guiou Beethoven e sobre a escravidão no Brasil do século XIX.

A orquestra revisitará a Nona Sinfonia de Beethoven emoldurada por um cântico da autêntica Capoeira da Bahia em diálogo com a obra de Paulo Lima. Com isso, como explica o diretor artístico da Osesp, Arthur Nestrovski, a orquestra estará trazendo à tona o importante tema da escravidão, uma “chaga que está na raiz da sociedade brasileira”.

No evento do Canegie Hall nove orquestras de cinco continentes vão apresentar a Sinfonia n.º 9 de, Ludwig van Beethoven, tod…